domingo, 20 de julho de 2014






Um dia você vai olhar para dentro de si, vai lembrar dos sorrisos dados, dos abraços mais apertados, de todas as pessoas que já passaram pela sua vida, as que só passaram e deixaram apenas cicatrizes, as que se foram e levaram parte de você junto a elas e as que permaneceram; vai lembrar das vezes que confiou, das vezes que magoou e foi magoada, das vezes que chorou e fez chorar. Vai voltar lá no passado e pensar nas suas atitudes. E ai? valeu a pena ter feio isso ou aquilo? foi bom pra você? faça-se a seguinte pergunta: "será que foi isso que meus pais planejaram pra mim? será que Deus planejou? e mais, será que EU planejei?" e então vai recordar os seus erros, vai parar no tempo e perceber que muito tempo você viveu de uma certa forma em vão! Fazendo, pensando e dizendo muitas coisas que não te levaram a lugar algum, porque claro, após o erro vem a consequência e logo depois a lição, mas nem sempre essa lição é motivo de orgulho, assim como o erro não foi. E sabe, talvez eu não esteja falando de você, provavelmente substituí o pronome "EU" por "VOCÊ" para parecer mas fácil imaginar que é comigo, mas no fundo eu sei que essas palavras fazem parte da minha própria vida.
Bom, depois de pensar e repensar tantas vezes, a única coisa que eu quero é RECOMEÇAR, mas por onde? como? Eu respondo: VOCÊ JÁ COMEÇOU quando olhou para dentro de si mesmo, quando viu algo errado e viu que era hora de mudar. Abra os olhos, o pior já passou, aliás, sempre passa! Agora levanta daí, procure um motivo para sorrir e ria.


                                                                  Challine Carvalho.